ansiedade,

antes perguntava o que mais podia fazer, hoje me aquieto sabendo que fiz o que pude


você quer uma coisa. aí você vai lá e planta bonitinho. faz o que tem que fazer, demonstra suas intenções, age de forma assertiva.

e aí agora faz o que? agora segue sua rotina e espera.

o resultado foi ruim, ok. você fez tudo que tinha pra fazer pra alcançar aquilo, né? então pensa se você precisa tanto mesmo dessa coisa. sua felicidade depende desse caminho? então vai e faz de novo até conseguir. não depende? então tenta outra coisa, pega outra estrada!

a gente tem uma mania de pensar que nossa vida depende daquilo: daquela pessoa, daquela oportunidade, daquela resposta. e não, nem sempre depende.

você pode até tentar arrombar a porta mas vai sujar metade da entrada. melhor abrir com cuidado e respeitar quando tiver trancada.

tem várias portas por aí.

0 Comentários:

desenvolvimento pessoal,

você sabe o que quer fazer da vida quando aquilo que você faz te faz esquecer da vida


a gente tem bem mais chance de ter sucesso quando a gente faz algo com vontade. mas é que às vezes a gente não tem vontade de nada. e aí? aí você vai ter que sair por aí fazendo um monte de coisa até descobrir o que te faz esquecer da vida.

sabe quando a gente começa a fazer uma coisa de manhã e quando vê já é de noite? percebe que nessas horas todas, não comeu, não foi no banheiro, não pegou no celular, literalmente esqueceu da vida. é isso, você descobriu. pelo menos por ora. porque essas coisas podem mudar também.

mas o importante é se respeitar. mesmo que o cotidiano te limite de fazer isso da vida, mas separe um tempo pra essa descoberta. não abandone o que te faz esquecer da vida. torne um hobbie, mas não deixe de fazer. o prazer de exercer o que vem de lá de dentro nos move, alimenta a nossa fé.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest




0 Comentários:

ansiedade,

coisinhas que dão um coisão


as maiores árvores demoram anos pra crescer mas se não fossem o sol e a umidade diários, morreriam antes mesmo de pensar em florescer.

às vezes um sonho parece longeeee. então, enquanto você luta por ele, salve cada parte dessa jornada. não esqueça o quanto você já caminhou e dê valor as suas conquistas.

cada passo dado leva a algum lugar, mesmo que não seja ao lugar que você almejava. e ainda assim, serve pra te dar a certeza das escolhas que você deve realmente fazer.

dê valor as coisinhas! esse monte de coisinhas vira um coisão! seu coisão. um coisão que você sonhou. vai acontecer! tenha paciência e não pare de fazer suas coisinhas.

sarita bruta

📷 ≫ tumblr



0 Comentários:

questione,

não quero mais ter dúvidas


fico em dúvida quando na verdade tenho certeza. porque a dúvida me permite o descanso. e a certeza, ela me amola a viver. tenho medo de viver. e se não der certo vi-ver?

caminho pelos descaminhos que não me levam a caminho algum. se eu chegar no final, o que será de mim? será o final?

detesto fins, só quero começos. vários ao mesmo tempo. todos e alguns que não darão em lugar algum. "mentiras sinceras me interessam".

eu gosto da verdade no outro e os outros amam a verdade em mim. mas eu travo lutas com a minha verdade. se eu chego na verdade, o que acontece depois?

estou sempre ansiando por esse depois, deixo pra viver lá. aqui eu compartilho desse calor insosso. se sentir feliz já é demais, agora eu ainda tenho que buscar o que eu amo?

e se eu buscar? e se eu der com tantas outras caras fechadas na fuça? e se todas essas novas dores se juntarem com as dores passadas e me matarem?

será que eu aguento?

sabe o que na real eu não aguento? todas essas dúvidas quando na verdade eu tenho certeza.

sarita bruta

📷 ≫ shamir



0 Comentários:

questione,

procure no lugar certo


"Por te falar eu te assustarei e te perderei? mas se eu não falar eu me perderei, e por me perder eu te perderia."

Nunca fui de calar a boca. Mas tentaram me calar por diversos motivos: é chato debater assuntos importantes, é feio discordar do outro, mulher deve se submeter, empregado tem que se rebaixar mesmo, vai ficar com uma fama ruim, ninguém gosta de gente que tumultua o ambiente e BLÁ BLÁ BLÁ.

E eu me calei. Por muito tempo me calei. Por não querer perder pessoas. Eu me esforcei tanto, tanto, tanto para me calar e, ainda assim, perdi todas as pessoas. E Clarice explica: "eu não falei, me perdi e perdi todos."

Tanto medo, tanta necessidade de satisfazer, tanta angústia. Pra nada! Não satisfiz ninguém, não fui feliz e não atingi nenhum dos meus objetivos.

E aí eu liguei o foda-se. Acabou o silêncio. Agora eu vou falar. Vou gritar. Vou berrar. Me aguentem.

E então eu me achei!

Bati de frente com a minha fala e aprendi a lidar com ela. Aprendi a me comunicar e sigo me aperfeiçoando nesse sentido. Mudei de público, procurei por pessoas que queriam me ouvir. Troquei tudo que me enclausurava numa ideia perfeitamente clichê e me cerquei de tudo que incentivava a minha criatividade falha.

Eu entendi, Clarice. "O que é verdadeiramente imoral é ter desistido de si mesmo."

frases de a paixão segundo gh, clarice lispector.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

amor,

amar os outros é a única salvação que conheço


Há três coisas para as quais eu nasci e para as quais eu dou a minha vida. Nasci para amar os outros, nasci para escrever, e nasci para criar meus filhos. "O amar os outros" é tão vasto que inclui até o perdão para mim mesma com o que sobra. As três coisas são tão importantes que minha vida é curta para tanto. Tenho que me apressar, o tempo urge. Não posso perder um minuto do tempo que faz minha vida . Amar os outros é a única salvação individual que conheço: ninguém estará perdido se der amor e às vezes receber amor em troca. E nasci para escrever. A palavra é meu domínio sobre o mundo. Eu tive desde a infância várias vocações que me chamavam ardentemente. Uma das vocações era escrever. E não sei por que, foi esta que eu segui. Talvez porque para outras vocações eu precisaria de um longo aprendizado, enquanto que para escrever o aprendizado é a própria vida se vivendo em nós e ao redor de nós. É que não sei estudar. E, para escrever, o único estudo é mesmo escrever. Adestrei-me desde os sete anos de idade para que um dia eu tivesse a língua em meu poder. E no entanto cada vez que eu vou escrever, é como se fosse a primeira vez. Cada livro meu é uma estreia penosa e feliz. Essa capacidade de me renovar toda à medida que o tempo passa é o que eu chamo de viver e escrever. Quanto aos meus filhos, (...) sei que um dia abrirão as asas para o vôo necessário, e eu ficarei sozinha: É fatal, porque a gente não cria os filhos para a gente, nós os criamos para eles mesmos. Quando eu ficar sozinha, estarei seguindo o destino de todas as mulheres. Sempre me restará amar. Escrever é alguma coisa extremamente forte mas que pode me trair e me abandonar: posso um dia sentir que já escrevi o que é meu lote neste mundo e que eu devo aprender também a parar. Em escrever eu não tenho nenhuma garantia. Ao passo que amar eu posso até a hora de morrer. Amar não acaba. É como se o mundo estivesse a minha espera. E eu vou ao encontro do que me espera.

Clarice Lispector

📷 ≫ tumblr



0 Comentários:

desabafos,

cara na porta


a ânsia de mergulhar hesita na dúvida da decisão. quando se quer ter tudo não se tem nada. se você segue reto em uma bifurcação, você não encontra nada.

a cara de bem resolvida esconde a deficiência em escolher. oculta a dificuldade em ter certeza do que sente. mascara a inconstância em ser.

nunca foi falta de autoconhecimento, sempre foi exagero de pensamentos, sentimentos e desejos. é um pouco de tudo porque não quer perder nada da vida.

completamente desqualificada a ignorar o que acontece ao seu redor porque precisa incessantemente participar de tudo.

não é uma questão de se encontrar, é o simples fato de decidir por um e aceitar que não vai ter o outro da mesma forma - ou simplesmente não vai ter.

a pessoa inconformada sofre porque quer ser deus. quer fazer um novo mundo. perde tempo em criações que nunca serão aplicadas, em vez de viver - não apenas existir - nos moldes que lhes são apresentados.

é preciso decidir sem dúvida e mergulhar apagando toda essa ânsia de ser deus.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

desenvolvimento pessoal,

o que você faz por você?


Os dias são todos iguais se você deixa que isso aconteça. Eu sei que você tem um sonho, eu sei que você tem um plano. Mas você deixa ele de lado por preguiça, por desculpas esfarrapadas, por viver no automático.

Você olha as pessoas ao seu redor e elas estão conquistando coisas. Mas o problema é esse, você só vê quando ela está feliz e vibrando, você não percebe que aquele momento só chegou pela luta diária dela pra aquilo.

Sua vida nunca vai ser igual a do outro, mas você pode começar a batalhar pelo o que você quer pra sua vida. Pode durar dias, noites, meses, anos, mas apenas comece. Devagar e sempre. Não pare. Não se acomode. Não desista na primeira derrota.

Todos esse resmungos e esse discurso de vitimização é típico de uma pessoa que não está fazendo nada pra ter sucesso na vida.

Mesmo que se sinta fraco, assuma o papel de forte. Mesmo que se sinta derrotado, assuma o papel de vencedor. Mesmo que esteja cansado, gaste o resto das suas energias pra algo que vai te trazer melhorias na vida.

Dê valor ao espiritual. Nesse mundo louco, precisamos nos apegar ao algo que nos mostre que é possível um momento de paz, nem que seja uma conversa com Deus.

Pare de deixar o celular tomar conta do seu tempo.

E pare de pensar tanto. Se você faz uma coisa pensando sempre na outra, você não vive.

Assuma uma postura!

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

empoderamento,

tem alguém falando aí? desculpa, é que eu só tô ouvindo a minha voz.


desculpa mas é que só tem espaço pra mim.

vozes, vozes, vozes, mais vozes. chega. peguei o controle remoto e MUTE. a partir de agora sou eu que falo nessa porra. sou eu que decido. não gostou? não me espanta que você não goste do que vai além do seu senso comum. não posso levar seu paradigma em consideração.

eu não nasci pra ser a vida de alguém. eu nasci pra ser a minha vida. e eu sou do mundo, sou das pessoas. jamais serei sua, jamais seguirei seus sonhos, jamais serei seu seguro de vida. essa responsabilidade eu não carrego mais.

soltei meus ombros. não preciso pedir mais nada, só sorte.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

liberdade,

deixa o novo entrar


profissão de sucesso, relacionamento duradouro, beirando a independência. parece um bom plano. impossível de dar errado. mas deu. como tudo pode dar.

e qual é o novo plano? abandonar o antigo plano.

a gente pensa que não deu certo, que acabou e pronto. mas não é bem assim, existem expectativas e frustrações que demoram um século pra sair de dentro da gente.

eu não entendia o que que faltava pra eu saber qual seria meu novo plano. e descobri que a única coisa que falta é eu aceitar que o plano anterior já era.

eu não vou ganhar muito dinheiro aos 23, nem sair de casa aos 24, muito menos casar aos 28, viajar pelo mundo aos 30 nem pensar, ter filhos com 33 bem difícil.

o que é preciso, talvez, seja parar de brigar com o tempo. e a verdade é que eu nem queria que esse plano todo desse certo em tantos aspectos. é um apego insano a um projeção que nem te pertence mais.

simplesmente abandonar. a b a n d o n a r. o novo precisa de espaço pra entrar.

sarita bruta

📷 ≫ flávia najar



0 Comentários:

ansiedade,

relaxa e larga no universo


quando a gente quer alguma coisa, temos que nos movimentar pra alcançá-la. mas também temos que saber a hora de parar, observar, sentir a vibe. não dá pra sair atropelando tudo e todos em busca do que se quer.

às vezes já fizemos tudo que deu pra fazer. um sorriso, uma palavra, um comportamento, uma iniciativa. e pronto, não tem mais o que fazer. agora é esperar a resposta. pode vir negativa ou positiva ou até mesmo não vir. ou vir depois de anos. nunca se sabe quando dará fruto o que você plantou.

o que se sabe é que depois de plantar tem que esperar germinar. você pode entupir de fertilizante mas de que adianta saber que você forçou aquela situação? tirar a naturalidade das coisas perde todo o encantamento.

tem momentos que a gente só precisa relaxar e esperar que o universo trabalhe um pouco. e se for de ser, vai ser. é loucura ficar pensando sobre tudo que acontece e tentando prever o que significa. a mente do outro não está ao seu alcance. emane sua energia e simplesmente aguarde ela voltar.
vai dar tudo certo como tem que ser.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

amor,

ato falho


me apaixonei antes mesmo de ficar com você. eu sei, é bobo. completamente assustador nos dias de hoje. mas esse é o meu jeitinho, de gostar da sua pessoa e não da sua beleza e do que você tem a me oferecer.

não sei como te dizer isso porque acho que você nem me nota. e eu só tento disfarçar a minha vontade toda vez que seu nome aparece na minha tela.

fico confusa, às vezes você é tão receptivo e às vezes tão frio. e eu entro no seu jogo pois morro de medo de ser inconveniente. quando você se abre, eu tento entrar e quando você fecha a porta, eu fico do lado de fora esperando que você abra de novo.

eu sei que mal te conheço mas sinto que conheço, por algum motivo desconhecido. acho que a partir do momento que perdermos o medo, o controle e a vergonha, vai dar amor. intenso, genuíno, cuidadoso.

eu fico quietinha, pois não quero estragar as coisas com o meu imediatismo. aguardo ansiosamente pelo dia q você vai escancarar a porta pra eu pular nos seus braços.

e se não for pra ser, tudo bem também. nunca se sabe qual a validade dos castelos construídos em nossos sonhos. sonharei até que passe, mas espero que não precise passar.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

amor,

você


sim, eu sei, é você. tem sido você há um bom tempo já. de forma pesada, de forma leve. inexistente e presente. intenso. um adeus que nunca termina. é você.

mas, sabe, também sou eu. desde você, eu aprendi que não se larga tudo pelo amor. que simplesmente se ama. de longe, de perto. reprimido e escancarado.

eu amo você. amo a mim. amo ao mundo. sei da minha vida e sei da sua. sei até onde eu consigo ir e sinto o seu alcance também. e não precisamos mover tantos mundos. só precisamos amar.

a questão é que às vezes o amor vai ter que ficar aqui dentro. e não deixa de ser amor. eu vou ter que seguir com esse amor e você também. e amaremos outras pessoas e nos amaremos, a si mesmos e ao outro.

o amor é vasto. não se ama aqui e acabou. não se ama você e nunca mais ninguém. se ama e se ama de novo, e não se deixa de amar quem já passou. isso não é poliamor, é viver o presente, sem rejeitar o passado.

e eu aceito o nosso amor impossível. eu aceito você longe. eu aceito que você sempre será você. mas, acima de tudo, eu entendo que faz parte do amor que cada um se abra para amar outros vocês.
feliz ano novo.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

questione,

a tal da personalidade forte


personalidade forte. eu sempre tive essa tal de "personalidade forte". mas nunca usei ela como desculpa pra escrotizar os outros.

nunca achei bonito falar tudo na cara. nem todo mundo precisa, quer ou pediu pra ouvir nada. sempre tentei e tento canalizar essa energia de fala pra algo realmente válido (como, por exemplo, escrever aqui). isso se chama respeito e empatia.

nós, de "personalidade forte", adoramos mandar e controlar, porque, teoricamente, nós que sabemos das coisas. isso se chama arrogância e considero um dos piores defeitos do mundo. treino a humildade todos os dias, ela nunca me sai da cabeça.

somos irredutíveis e inflexíveis quando estamos certos na nossa verdade e movimentamos o mundo! isso é bom em largo alcance mas no nosso dia a dia o quanto vale a pena ser assim?

temos orgulho de vibrar, aparecer e fazer diferença. mas o quanto será que calamos o outro enquanto gritamos? ou pisamos em alguém dando passos tão fortes?

falamos muito sou, sou, sou, como desculpa pra se manter no erro e por preguiça de sair da zona de conforto. é tão confortável ser o que já se é no automático. não importa se sai dando uns tiros ao redor de vez em quando.

pois eu digo que não tem nada que te obrigue a ser escroto, nem a sua personalidade, nem sua criação, nem os astros ou qualquer justificativa que você ande utilizando. ser bom é uma escolha. todo mundo está passando pelos seus desafios. independente deles, escolha ser bom.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

desenvolvimento pessoal,

continuação


ano: 2018
número: 8
palavra: genuinamente

esse foi o ano que eu aceitei que não tava tudo bem. e que nada, nada, nada, absolutamente nada externo era capaz de me curar dessa coisa de não estar bem.

e, ao mesmo tempo, o quanto o externo também estraga a gente pra caralho.

eu descobri que o egoísmo é a palavra mais linda do universo quando bem usada.

eu vi um milagre acontecer quando parei de escutar o zumbido que a sociedade faz querendo te moldar a ser alguma coisa de merda.

reparei em mim. só em mim. o que eu quero? e eu ainda não descobri, talvez não descubra nunca. mas eu me conectei comigo mesma de uma forma que todas as escolhas que tenho feito desde então só me fizeram bem.

o mais impressionante é que, no pico do meu egoísmo, eu consegui ser uma pessoa tão menos egoísta, como nunca tinha sido. eu me amava(mo) tanto que eu não precisava obrigar ninguém a me retribuir nada.

foi um ano de muita doação e sem muita expectativa. e quanto menos eu esperei, mais recebi. nunca recebi tanto amor, tantos elogios. fico pensando se não foi só uma questão de estar aberta também.
e eu só quero que essa vibe perdure. não há término nem renovação pra mim, apenas continuação.

sarita bruta

📷 ≫ la bigotta



0 Comentários:

ansiedade,

segura esse yang


você pensa que dessa vez vai ser diferente
mas não
não vai ser
você vai tomar mais um fora do novo ele
depois de já ter tomado tantos da vida
e deles
não adianta ter vontade
nem sentir conexão
achar que tem sintonia
pensar que rolou um clima
não existe porra nenhuma
além da sua criatividade
às vezes nossa capacidade de percepção
dá pane
e não tem quem faça voltar a funcionar
é melhor dar uma segurada nesse yang
antes que passe mais vergonha

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

desenvolvimento pessoal,

nunca fui de seguir modas mesmo


bauman deveria ser um alerta
não uma verdade
mas a liquidez
nunca foi tão autêntica
e tão escancarada

eu realmente sou retardatária do meu tempo
ou talvez a frente mesmo
só sei que, pra mim
pessoas ainda são pessoas
e eu ainda quero construir laços
eternos enquanto durem
desejando que durem pra sempre

ainda sou a romântica de 2007
e considero as pessoas de um jeito antes do ios
me apego sem vergonha
declaro que gosto mesmo que fujam
que os antiquados me acompanhem
porque o fantástico mundo de bauman
jamais vai rolar pra gente como eu

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

questione,

conhece porra nenhuma


frases que eu já ouvi de quem me conhecia superficialmente:

"olha a cara dessa menina. você acha mesmo que ela se apega a alguma coisa?"

"eu tinha medo de você. achava que se falasse contigo, você iria me dar uma patada."

"você tem uma cara muito de autossuficiente, de quem não precisa de ninguém. achei que você queria ficar sozinha."

"pensei que você fosse rica. me senti acuado."

"você tem cara de metida."

"você bebe? nossa, não parece!"

"impossível que você não tenha ninguém pra ficar."

e tantas outras...

engraçado que eu sou absolutamente o contrário de tudo isso, principalmente na parte da riqueza e da bebida, rs.

eu só tenho uma coisa a dizer: me conheçam, conheçam, conheçam-se por dentro. é o que vale.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

desabafos,

eu sou o meu avesso, não minha carcaça


quantos amores será que eu ainda vou perder
por ter essa cara de durona?
por carregar esse véu ilusório
de bem resolvida?

será que eu sou aquela porra de maçã do topo
que só os "corajosos" merecem?
(eu sempre odiei essa história)
e eu odeio os cor..inconvenientes

tô bem saturada
de olharem minhas fotos
ouvirem algumas narrações minhas
e acharem que sabem tudo sobre mim

definirem o que sou
pra que sou
a que sirvo
e de me tornarem um dalit
ou qualquer outro tipo de objetificação baumiana

e eu só imploro
que me conheçam
porque eu não tenho nenhum talento
pra ser superficial

o melhor das pessoas
está dentro
e eu não quero nada menos que isso
você também não deveria querer

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

amor,

meu radar tá quebrado


nunca tinha notado o quanto é difícil encontrar alguém. alguém que você queira e te queira. alguém que esteja disponível. alguém que esteja disposto. alguém que te motive e se motive contigo.

vivi por muitos anos um grande amor e talvez, por isso, tenha esquecido que não é simples assim querer deixar de ser solteira. porque não há querer. não vai surgir uma pessoa na sua frente só porque você decidiu que quer se apaixonar. inclusive, é preciso ter cuidado com o que se deseja, já que se apaixonar é um grande risco em tempos que as pessoas te dão um pé na bunda da noite pro dia sem o menor receio.

esse ano foi assim: todas as pessoas que me empolguei um pouco, logo aparecia algo para me desempolgar. o indivíduo era comprometido, gay ou realmente não me queria mesmo. enquanto uma leva de gente que eu nunca tive o menor interesse não saía - não sai - do meu pé.

realmente deve ter algo de muito errado na minha áurea amorosa porque tá tudo dessintonizado. eu sinto conexões que não existem, me pego pensando em gente que nem lembra da minha existência. todo mundo tá de boa, com seus respectivos e eu aqui bem alone.

mas o que há de se fazer? vida que segue sozinha mesmo porque amor meia boca não me satisfaz.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

desabafos,

você não vai me vencer pelo cansaço


Tava escrevendo outro texto mas realmente tenho um tema mais iminente para falar. Ultimamente vários caras tem me abordado virtualmente - pelo instagram do blog. "Nossa, então você veio aqui passar na cara?". Não. Na verdade vim aqui dizer o quanto isso é insuportável.

Há quem diga que isso aumenta a autoestima. Mas só se for de alguém que não tá bem e precisa disso pra se admirar. No caso, eu ando muito bem comigo mesma e não preciso que nenhum homem dê em cima de mim pra me sentir atraente - ainda mais pessoas que eu tenho zero interesse.

Não é que não possa haver a paquera virtual, é questão de ter bom senso mesmo. Largue a cantada mas saiba entender se ela funcionou ou não. Eu costumo ser bem direta, não enrolo ninguém. Então quando percebo que alguém que eu não estou interessada está querendo algo comigo, tento dar um fora com educação - ou sem, se for necessário. Sou evasiva, demoro pra responder, não respondo e, por fim, digo n ã o com todas as letras.

Mas vocês pensam que o "não" funciona? Claro que não! Eles continuam dando em cima, firmes e fortes. Aí você é grossa ou bloqueia e ainda sai de surtada. Depois do bloqueio, alguns vem em outra rede social demonstrar o quanto estão chateados PELO SEU DIREITO DE DIZER NÃO. Pasmem! E estou falando de pessoas totalmente desconhecidas e aleatórias da internet, a quem você não deve a menor satisfação pois NUNCA houve nenhum laço criado.

Costumo usar a função bloqueio só em situações impraticáveis mas pela continuidade da minha paciência em escassez, virarei a rainha dos blocks. Chega!

Ps: Poderia abordar o feminismo aqui mas deixo pra outra oportunidade em que eu tenha capacidade emocional para tal, pois exige mais cuidado.

sarita bruta

📷 ≫ cvatik



0 Comentários:

amor,

te quis, não te quis, te quero


sempre te quis
mas não te quis
você não era meu tipo
era só mais um daqueles utópicos amores
que jamais dariam certo comigo
hoje eu te encontrei
e você é exatamente o meu tipo
eu te quero
querendo
tento captar sinais
na esperança de que você me queira também
daríamos um bom casal

sarita bruta

📷 ≫ pinterest



0 Comentários:

desabafos,

nada de novo sob o sol


eu fui pelo caminho errado
mais uma vez
queria brilho
aplausos
eu já deveria saber
que nada funciona assim
que só o natural explode
e que eu não passo de mais uma
fazendo o que todos fazem

sarita bruta

📷 ≫ pinterest





0 Comentários:

empatia,

vamos parar de falar mal das pessoas?


No meio onde eu cresci, falar mal das pessoas é um hábito. E basta ampliar um pouco os horizontes pra perceber que nas mídias o que rende também são as críticas e não os elogios. Nós nos tornarmos verdadeiros alvos e, ao mesmo tempo, os próprios atiradores. Tudo depende da lucratividade de ego do momento, pra decidir em que lado vamos estar.

Falar mal das pessoas se tornou um entretenimento. Em certos sites de notícias não é nem preciso que se tenha essa categoria, já que praticamente todos os textos das páginas incluem a detonação de seres humanos. Isso quer dizer que eu ache que o mundo é coberto de flores e que o povo não cometa mal algum? Jamais! O problema é quando a gente entope de coisa ruim o olhar sobre o outro - e até sobre si - e literalmente esquece que somos capazes de realizar muitas ações boas.

A gente desaprende sobre a existência do bem e nos tornarmos pessoas extremamente pessimistas e negativas. Se tudo que a gente lê e ouve é tão desagradável, fica difícil ter alguma fé no mundo. Parece que todo esse mal é a única realidade que existe. Vemos através de um véu, que ignora a perspectiva positiva da vida.

O bom e o ruim é que nós mesmos podemos mudar essa situação. Ruim porque teremos muito trabalho pra limpar as lentes nocivas construídas por longos anos em nós. Isso demanda esforço e, como podemos perceber, nem todo mundo está disposto a se empenhar nisso. Mas é bom, porque tem muita gente propensa a parar de falar mal das pessoas, como você que está lendo isso agora.

Eu já falei aqui sobre 4 sites pra saber notícias do bem. Mas a sua boca e a de cada um de nós é a maior propagadora de informações do universo. Sem a nossa fala, seja oral ou escrita, não existe comunicação. Ou seja, nós somos os maiores responsáveis por espalhar o que tem de bom aqui. Podemos nos encarregar de mostrar o bem que está dentro de cada pessoa e utilizar isso como uma arma poderosa disparando possibilidades de esperança.

Faça o bem, fale o bem, pense o bem.
Perceba que cada ser que encontramos é um ser iluminado, disfarçado a nos mostrar o caminho.
Alguns nos mostram como não devemos ser.
Outros como devemos ser.
Monja Coen

sarita bruta

📷 ≫ allikdesign




0 Comentários:

amor,

me apaixonei por um humano


sua pupila, pra onde ela se mexe? que cor seu cabelo faz quando o sol bate nele? que som faz a sua respiração quando fica alegre? sua bunda rebola quando anda? sua pele vibra quando fica nervoso? seus dedos são gordinhos? sua expressão é de durão? você se derrete quando vê crianças? sua fala é mansa? ou incisiva? você faz barulho de porco quando ri? seu rosto se enruga todo quando está preocupado? seus olhos brilham quando falam da sua mãe? o que te acalma? o que te faz esquecer do mundo? você ri de qualquer besteira? você conta histórias até eu cansar? você tem gostos inusitados? eu te deixo confortável? seus pés se mexem a procura dos meus? você me elogia até eu corar? você se arrepia quando eu respiro em sua nuca? você consegue ser sincero comigo? como você olha pra mim? você me admira de verdade? como você controla tudo isso que você sente por mim? você me protege inerentemente? você chora quando pensa em ficar longe de mim?

nada disso é critério de escolha, mas isso é humano, isso é vida, isso é você e isso que motiva, que cativa, que apaixona. nenhuma foto, descrição ou oi sumida vão me dar isso.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest






0 Comentários:

listas,

10 coisas que não entendo no tinder


Antes de tudo, gostaria de esclarecer que no Tinder a gente escolhe as pessoas pela imagem. 99% das pessoas não tem descrição, tem gente que não diz nem a profissão e, às vezes, até o nome é fake. Ou seja, sem fotos legais (ou sem fotos mesmo), não há match plausível.

Confesso que esses apps não são o meu modo preferido de conhecer pessoas, mas, como eu trabalho em casa, é uma ótima oportunidade de expandir meu círculo social.

E nessa de usar Tinder, vi muitas situações inusitadas, inclusive, já morri de rir com algumas, mas o cerne da questão é que existe uma enorme sabotagem paquerativa que realmente me intriga e questiono se essas pessoas realmente querem ficar com alguém.

Conversando com algumas amigas, vejo a mesma impressão e, por isso, resolvi fazer uma lista colaborativa das coisas que não entendemos nos usuários do Tinder e aplicativos de paquera em geral.


Vamos lá:


1 – Pessoas que respondem em doses homeopáticas: Você começa a conversar com a pessoa e ela demora tanto pra responder que você até esquece o que vocês estavam conversando, perde até a graça.


2 – Instagram fechado: Tem pessoas que não aguentam esperar o like e vão te procurar nas redes sociais. Ok, mas como eu vou corresponder sem ver absolutamente nenhuma foto sua? Difícil, né?


3 – Pessoas com apenas uma foto ou fotos de longe: Como eu vou dar like no que eu não estou vendo direito? Não sei você, mas eu não arrisco.

4 – Fotos só de óculos escuros ou boné: Não importa se você acha seu olho estranho ou sua careca feia, eventualmente iremos descobrir. Se mostrem como são, quem gostar tem que ser pela sua real beleza.


5 – Fotos com animais dopados: Broxo na hora.


6 –  Meninos disk sexo: “Oi, tudo bem? Quando podemos nos ver?” Posso estar sendo antiquada mas, acredito que até pra transar tem que ter um pouco de conversa antes, né?


7 – Foto de jaleco ou num carrão: Sua profissão ou seu dinheiro não vão te deixar mais interessante, meu bem. E se tiver alguém que te ache mais bonito por isso, realmente vale a pena?


8 – Não é meu filho: Melhor não colocar foto com criança do que colocar com essa legenda, né?


9 – Emoji e qual o seu whatsapp: Apesar de não parecer, o número do nosso celular ainda é algo pessoal então espera pelo menos engatar a conversa pra pedir!

10 – Homem bomba: Músculos e mais músculos. Será que agora dá pra eu ver seu rosto?

Esses foram os destaques, mas quem usa o aplicativo, sabe das loucuras que se encontram por lá. Talvez seja apenas uma tentativa falha de preencher o ego e não de realmente marcar um encontro amoroso. Confesso que, com aproximadamente um ano de uso inconstante, perdi a paciência.

No meio dos exóticos, conheci algumas pessoas legais, reconheço. Mas chega um momento que você cansa de conversar com tantas pessoas que você nem tá tão afim. Você começa a se questionar o quanto imagens e papos como todos os outros são capazes de te motivar. Você perde o feeling, sabe?

Acredito que, sim, casais que se conheceram no tinder podem dar muito certo e torço por isso. Mas meu dedinho já cansou de procurar por lá e o cérebro já bugou de tanto oi tudo bem. Estou fora do tinder indeterminadamente e fechada para abordagens virtuais. Quero conhecer gente no mundo real, por ora.

sarita bruta

📷 ≫ Michael Buckner/Getty Images for Glamour




0 Comentários:

questione,

doce ilusão ou amarga realidade?


a vida tem sido doce pra mim. talvez não dos mais gostosos, mas no final de tudo é doce. e por incrível que pareça, eu diria que isso não é bom. porque o doce, como vocês sabem, ele satisfaz um desejo mas no fundo faz mal a saúde.

vivo cercada pela falsa sensação de estar em um determinado patamar social que não pertence a mim. e o conforto e comodismo me prendem. o doce vicia. você só quer ele. às vezes nem tá mais bom mas é costume, você consome por vício.

mas eu nunca vi ninguém conquistar objetivos genuínos e verdadeiros comendo só doce. muito pelo contrário, as mais lindas batalhas são vencidas por quem sabe engolir muita comida estragada. é sentir o gosto do amargo todo dia e saber que vai valer a pena.

a verdade é que a vida real, ela não é doce. ela não te dá alicerce, não te dá companhia, não te dá uma lista do que você tem que fazer. a gente quem cria tudo isso. e dói. muito ou pouco, dói. porque não dá pra fazer tudo isso dentro da zona de conforto. e abrir os olhos pro mundo como ele é assusta pra caramba.

machuca ficar dentro da ilusão e também machuca sair dela. a diferença é que a ilusão é um algodão doce azul, bonito por fora, mas que derrete com qualquer calor ou chuva. e sair da ilusão parece chupar limão puro, mas no final vira uma limonada com gelo e hortelã, é só degustar.

sarita bruta

📷 ≫ saint hoax





0 Comentários:

amor,

intenso quando lhe convém


é sério que você não faz mais nenhuma questão de falar comigo? de saber como eu estou e me contar como você está... é foda como as pessoas conseguem ser tão intensas e demonstrar tanto sentimento e, de repente, elas não ligam nem pra existência da gente...
  
você não sabe o quanto é difícil saber que você tá aqui e não é capaz nem de me falar um "oi". me sinto totalmente descartável.

não faça mais isso com as pessoas, cara. não diga que gosta, não faça planos, não vislumbre o futuro, se você não tem certeza do que quer! nem faça teatro só pra ter sua foda garantida. não diga o quanto ela é maravilhosa e o quanto você está apaixonado por ela. não diga que já considera que são namorados. não trate a pessoa com seriedade se você não tem intenções sérias.
  
verão vem aí. não escolha uma menina aleatória pra seu passatempo nessas férias se depois for jogar no lixo. ninguém merece passar por isso! e não venha de mimimi de que avisou que não queria namorar. tô falando de atitude, de respeito, de consideração. quem diz que tá apaixonado se comporta como tal, não abandona no momento que lhe convém.
  
como diz aquela frase "não precisa vir num cavalo branco mas também não precisa ser o cavalo".

sarita bruta

📷 ≫ giovanni morgia





0 Comentários:

empatia,

alguém tem que ficar bem


se me perguntarem se o mundo está bem, eu digo que não. mas se me perguntarem se eu estou bem, eu estou sim. por que eu deveria arrastar a podridão humana do mundo pra minha vida? pra que isso serve de fato?

eu me estresso, me revolto, me recuso a ser passiva. mas sigo minha vida tentando fazer na prática algo que realmente seja válido. não adianta eu reclamar e gritar quando ninguém me ouve. posso representar papéis muito mais importantes calada ou fazendo algo mais sutil.
  
existe um momento que a gente tem que aprender a separar o que está dentro e fora da nossa esfera. isso não significa que devemos viver dentro de uma bolha só nossa. jamais! isso quer dizer que a gente entende o que acontece no universo mas que somos apenas um humano incapaz de carregar todas as responsabilidades por dele.
  
além disso, apesar da imensa vontade de vomitar diante de fatos cada vez mais grotescos ao nosso redor e de temer pela própria vida, não adianta muito usar estratégias que pouco convencem, apesar de ajudar no desabafo. percebo que, assim como o que há de ruim se propaga, o bem também deve ser espalhado de forma sutil, em pequenas doses de educação e cultura.
  
mas o mais importante de tudo isso é que eu tenho que estar bem. por mim, obviamente. mas também porque eu não vou conseguir fazer absolutamente nada útil estando mal. cair no fundo do poço é muito fácil. não faltam motivos pra te levar pra lá. mas a gente tem que se segurar aqui na borda, porque é a única chance de salvar quem tá lá dentro.

sarita bruta

📷 ≫ pinterest





0 Comentários:

feminismo,

mulher não é um buraco


 

me sinto como essa imagem quando um homem chupa a saliva na rua quando eu passo.

ou quando obrigatoriamente confere a minha bunda pra vê se sou gostosa o suficiente.

quando, sem a menor intenção de elogiar, solta um fiu fiu ou um "linda" (pra não dizer outras coisas) mesmo sabendo que irá me constranger.

e tenho o mesmo sentimento ao saber todos os dias os números de estupros. dentro da própria casa. dentro da própria família.

como se os homens fossem animais irracionais sedentos por um alimento.

mas deixa eu te contar, esse alimento é gente. esse alimento é sua mulher, é sua filha, é sua família, é ser humano. com autonomia, sentimentos e dores.

mulher não é máquina sexual. não é um buraco.

só nós sabemos o medo diário que enfrentamos de sermos assediadas a qualquer tempo, em qualquer lugar. ainda temos que aguentar muita coisa calada pra situação não se agravar. temos medo de morrer.

a força do homem é descomunal na sociedade. não só a física, como a moral. temos que nos impor muito ainda se quisermos ocupar um espaço de dignidade na sociedade.

é uma longa jornada, mas que, pra mim, vale toda a pena.

sarita bruta






0 Comentários:

ansiedade,

um dia de cada vez


respira
não precisa de toda essa ansiedade
eu sei que você tem sonhos e projetos, eu também tenho
mas se acalma
bebe um copo de água devagar
tá melhor?
eu preciso te dizer uma coisa: você não precisa dar conta de tudo
nada que você queira é imprescindível pra sua felicidade
falhamos o tempo todo, isso é normal
não há nenhuma lei que te obrigue a atingir a perfeição em todos os seus planos
pode ser que a sociedade te recrimine e te coloque pra baixo mas eles já não fazem isso o tempo todo?
não adianta correr
correr é o antônimo de viver
só se vive de verdade estando realmente presente, consciente de cada detalhe ao seu redor
esse mundo de distrações e cobranças não passa de mera ilusão
a verdade real anda dentro da gente e deveríamos dar prioridade a ela
todo esse externo que nos suga é aleatório, ele não entende nada sobre a gente, não sabe nada do que a gente genuinamente quer
então fecha os olhos, se enxergue
sozinho, pleno, sem necessidades supérfluas, totalmente capaz de voar pra onde quiser
plante seus desejos todos os dias e uma hora se deparará com uma linda árvore
mas não esqueça nem um sequer dia, senão a planta pode secar e ter que recomeçar tudo de novo
um dia de cada vez, sem esquecer nenhum dia

sarita bruta

📷 ≫ tumblr





0 Comentários:

especial,

por que eu escrevo? pra quem eu escrevo? - 1 ano de brutamor

  
por que eu escrevo? pra quem eu escrevo?


"eu escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém. provavelmente a minha própria vida."
"ao escrevê-lo não me conheço, eu me esqueço de mim. eu que apareço neste livro não sou eu. não é autobiográfico, vocês não sabem nada de mim. nunca te disse e nunca te direi quem sou. eu sou vós mesmos."
um sopro de vida - clarice lispector

escrever, pra mim, é a última respiração. é aquele respirar desesperado que você dá depois que passa muito tempo debaixo d'água. é a oportunidade de tomar fôlego nesse mundo por vezes tão duro.

a escrita pública é o ato de procurar alguém que se sinta como você, que possa compartilhar os mesmos sentimentos. é se preocupar em como o que você escreve afeta as pessoas e como pode ajudá-las.

a criação do blog foi um pedido de socorro. um marco sem vergonha, uma luta travada comigo mesma. aliás, eu tenho percebido que todas as lutas que travamos, no fundo são contra nós mesmos.

e desde o dia do seu surgimento até hoje, em 1 ano, minha escrita só melhorou, e junto com ela, o meu espiritual, emocional, terreno etc. e pelos feedbacks que recebo, acredito que eu possa ter mexido positivamente na vida de uma boa quantidade de pessoas, o que me deixa enormemente feliz e grata.

minha cabeça sempre foi um emaranhado de ideias que correm muito rápido. colocar no papel ajuda e muito organizá-las e saber para que servem e onde vão dar. chega uma hora que de tanto listar, colocar em parágrafos, separar por temas, seu pensamento começa a ficar mais coordenado também e tudo flui melhor.

gostaria de escrever mais, se os compromissos da vida deixassem. inclusive agora eu deveria estar fazendo outra coisa.

mas essa data não poderia passar em branco.

brutamor nunca mais será um nome qualquer pra mim. brutamor significa minha libertação artística, linguística e energética. brutamor é a revelação de um lado meu que eu nunca tinha conhecido. um lado completamente autêntico, corajoso e vivo. brutamor me curou. brutamor me salvou. brutamor faz parte de mim.



sarita 1: início do brutamor // insegura, autoestima lá embaixo, autoconfiança decadente. ninguém nunca leria as besteiras que ela escrevia. não sabia o que fazer da vida. botou uma maquiagem na cara pra fazer uma foto séria porque queria ser levada a sério. cheia de mágoas e tristezas. reprimida. o olhar diz tudo.

sarita 2: 1 ano de brutamor // sabe que é uma mulher da porra. não tem vergonha de ser quem é, não precisa da aprovação dos outros. ainda não sabe o que fazer da vida mas sabe qual caminho seguir até que chegue lá. perdoou, chorou, gritou, curou, sorriu. o cabelo cresceu, a covinha apareceu. não se obriga a usar maquiagem. não se obriga a nada. mas sabe de suas responsabilidades. o olhar diz tudo.








0 Comentários: