desabafos,

encoberto

quarta-feira, dezembro 13, 2017 sarita bruta 0 Comments


se ele se despisse, poderia mergulhar nas emoções, e banhar-se da verdade nua e crua, viver uma vida pura como o ar que respira.

se ele quebrasse essa armadura, estaria livre para sentir o beijo entre os corações no calor de um abraço.

se ele rasgasse esse capuz, daria chance de que percebessem o quão lindo ele é sob a luz do sol.

mas ele insistiu em se vestir, continuou a se cobrir, preferiu se proteger, e assim, seguir apertado, escondido, travado.

pensando estar bem, se livrando das decepções, dos medos, das feridas, se livrando dos sentimentos, dos amores, das experiências. enfim, se livrando da sua própria existência.

douglas césar





0 Comentários: